Artigos em Portugal

EDUCAÇÃO

Psicologia Setrem tem trabalhos aceitos em congresso em Portugal

Pesquisas são oriundas de trabalhos de conclusão de curso, com orientação da docente Cris Krindges

O curso superior de Psicologia da Setrem teve três trabalhos aceitos no 3º Congresso Internacional da Criança e do Adolescente (ICCA, na sigla em inglês) e na 6ª Reunião Anual da Secção de Pediatria Social da Sociedade Portuguesa de Pediatria (SPS-SPP), que acontecerão na cidade do Porto, em Portugal, nos dias 23, 24 e 25 de janeiro de 2019.

As pesquisas são oriundas dos Trabalhos de Conclusão de Curso (TCC) da acadêmica Stefani Cristina Büllow e da egressa Amanda Munique Reichert, com orientação da docente Cris Aline Krindges, que também teve sua dissertação de mestrado aceita no Congresso.

Os três trabalhos abordam o abuso e a violência sexual contra mulheres na infância. O trabalho intitulado “Laudo psicológico e a decisão judicial em casos de abuso sexual infantil”, das autoras Stefani Büllow e Cris Krindges, será apresentado no formato pôster.

“Os laudos psicológicos são oriundos de pericias psicológicas e compõem as provas processuais, podendo auxiliar os juízes em sua tomada de decisão. Diante disso, a fim de identificar como essas perícias estão sendo conduzidas, realizou-se uma análise documental descritiva, em cinco processos jurídicos envolvendo denúncia de abuso sexual contra crianças, já́ com sentença proferida”, explica Cris.

O outro trabalho, proveniente do TCC da egressa Amanda Munique Reichert, com orientação da docente da Setrem, será apresentado no formato oral. Intitulado “Mulheres vítimas de violência física na infância e as repercussões na maternidade na idade adulta”, o estudo objetivou investigar as consequências comportamentais, emocionais e psicossociais em mulheres que sofreram violência física intrafamiliar na infância e as repercussões na relação maternal na idade adulta.

“Os resultados evidenciaram que todas as participantes apresentaram repercussões negativas nos aspectos comportamentais, emocionais e psicossociais, em menor ou maior intensidade”, afirma Cris.

O terceiro trabalho aceito originou-se da dissertação de Cris Krindges no mestrado em Psicologia Clínica, pela PUCRS. Com o título “Regulação emocional, satisfação sexual e comportamento sexual de risco em mulheres vítimas de abuso sexual na infância”, o estudo teve a orientação da Dra. Luísa Fernanda Habigzang e também será apresentado no formato oral.

A pesquisa teve como objetivo avaliar mulheres vítimas de abuso sexual na infância e identificar quais as consequências para a vida adulta, em relação à regulação emocional, satisfação sexual e comportamento sexual de risco. “Os resultados são relevantes para compreender possíveis repercussões de abuso sexual infantil em longo prazo e para subsidiar intervenções psicológicas efetivas para demandas específicas de mulheres com histórico de vitimização sexual na infância”, explica a docente da Setrem.

Para Cris, ter os trabalhos de conclusão de curso das acadêmicas publicados em um congresso internacional é motivo de orgulho. “A docência tem um valor ainda mais significativo quando vemos resultados assim. Também é um importante passo para a carreira profissional da Stefani, que está finalizando a graduação em Psicologia, e também para a Amanda, egressa do curso, que atualmente é coordenadora do CRAS (Centro de Referência em Assistência Social), do município de Humaitá”, comemora.

O ICCA (International Conference on Childhood and Adolescence) é coorganizado pela eventQualia, pela Seção de Pediatria Social da Sociedade Portuguesa de Pediatria (SPS-SPP) e pela SpeCan (Sociedade Portuguesa para o estudo da Criança Abusada e Negligenciada) e busca promover o diálogo aberto sobre as questões da infância e adolescência, através do cruzamento de perspectivas multidisciplinares e experiências diversificadas sobre o tema.

A docente dos cursos de Psicologia e Direito da Setrem, Cris Krindges, está inscrita no Congresso e irá participar presencialmente de todas as atividades, representando as alunas na apresentação dos trabalhos.

FOTO: EDUARDO ERTHAL/SETREM

Fonte: Assessoria de Comunicação SETREM